Semana de Educação Física destaca inclusão no esporte

Não Classificado

Escrito por

Redação

Publicado em

13 nov 2015

A Semana de Educação Física do Centenário do UNASP campus São Paulo, destacou a importância da inclusão na educação e na prática do esporte. O curso de Educação Física que já recebeu as melhores notas em avaliações do Ministério da Educação, MEC, reforçou, entre os dias 9 e 12 de novembro, um dos compromissos que fazem parte de sua filosofia e missão.

Durantes os dias do evento, os universitários tiveram a oportunidade de assistir a palestras com convidados especiais e a exposição de pesquisas e projetos desenvolvidos pelos colegas de curso, além de exporem seus próprios trabalhos. Todos os temas apresentados foram relacionados à inclusão na prática esportiva e no papel do professor de Educação Física dentro da escola.

Foram através das atividades práticas que os futuros educadores físicos puderam experimentar as opções e modalidades esportivas adaptadas para deficientes físicos. No encerramento da semana, por exemplo, foi possível conferir e praticar alguns modelos de esporte para deficientes visuais. De olhos vendados, os alunos experimentaram Musculação, Futebol e até Karatê.

Para o universitário Nestor Neto, a semana mostrou quantas possibilidades e necessidades existem para serem atendidas e trabalhadas através do profissional de Educação Física no que diz respeito a inclusão através do esporte. Abrindo assim o leque para a variedade de atuação profissional nessa área.

“Teve várias modalidades que eu não conhecia e foi a partir dessa semana que eu pude aprender que a Educação Física em relação à deficiência física é uma região bem ampla. Tem várias coisas com o que podemos trabalhar e vários materiais que podemos confeccionar para aprimorar e melhorar o nosso curso, a nossa vida e o nosso trabalho”, afirmou o aluno.

Para essa edição da Semana de Educação Física, Neto pesquisou a contribuição da Natação para a reabilitação e qualidade de vida para uma pessoa com deficiência física. “Os benefícios que a natação tem para os deficientes físicos são vários, tanto para o aspecto psicológico como para o aspecto físico. Hoje o deficiente físico se sente muito excluído na sociedade, principalmente em relação aos esportes e as aulas de Educação Física. A pesquisa que fiz com meus colegas vem mostrando a adaptação que se faz e a reabilitação que possível dentro da natação”, explicou.

O coordenador do curso de Educação Física do UNASP-SP, Leonardo Martins, conferiu homenagens aos docentes do curso. Reconhecendo a dedicação, o empenho e o trabalho desenvolvidos pelos professores que trouxeram resultados na formação dos alunos e no reconhecimento e nas notas que o curso obteve na comunidade acadêmica.

O curso de Educação Física protagonizou um dos principais eventos acadêmicos que aconteceram no Centenário do UNASP. Sediando em janeiro de 2015, o Terceiro Congresso Adventista de Educação Física.

Por Murilo Pereira