Exposição de Pôsteres fortalecem pesquisas criacionistas

Cultura e Ciência

Escrito por

Analía Roa Monsalve

Publicado em

18 nov 2019

Crédito imagens

Thamires Mattos

Os trabalhos apresentados têm relação com o Criacionismo ou Design Inteligente 

No último domingo 17 de novembro, dentro do marco do I Simpósio de Ciências das Origens, foram apresentados dois pôsteres com pesquisas de participantes do congresso. A atividade foi organizada pelo Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp) Campus Engenheiro Coelho com a premissa de difundir os estudos científicos.

A Divulgação científica tem como objetivo compartilhar conhecimentos científicos para públicos não especializados. Segundo a Assessora Executiva da Diretoria Acadêmica do Campus, a Professora Carla Lopes a apresentação dos trabalhos em forma de poster facilita a compreensão dos ouvintes do tema. “É uma maneira fácil de apresentarem os trabalhos e oferece maior dinâmica no processo, já que aí está de forma sucinta o que a pessoa pesquisou”, declara.

No evento, Samuel de Paula da Universidade de São Paulo, Campus de São Carlos, apresentou um estudo do nível de doutorado com o título “Uma reflexão sob a perspectiva da teoria do design inteligente do processo de resolução enzimática de clonidina racêmicas por enzimas do tipo lipase”. Para ele, a divulgação científica é importante para os pesquisadores porque a sociedade precisa conhecer o que é produzido nas universidades porque isso impacta diretamente na vida delas. “Quando você vai no salão de beleza tratar o cabelo ou a pele, tudo isso é resultado da ciência que impacta a vida das pessoas”, afirma.

O que falta ainda para ter uma maior divulgação científica no país para De Paula, é uma maior cultura científica na comunidade e que os pesquisadores saiam mais dos laboratórios. “Quando se apoiam medidas governamentais, por exemplo, que promove recortes na ciência e tecnologia é um pouco de culpa dos pesquisadores que não fazem a difusão das descobertas. A maioria das universidades que produzem pesquisas são mantidas por dinheiro público então o cidadão precisa saber para onde vai o que ele paga de imposto”, comenta.

Com o intuito de desenvolver mais pesquisas e chamar o interesse de pesquisadores foi inaugurada durante o Simpósio a sala de pesquisas e exposição permanente do Núcleo de Estudos das Origens, um órgão da Reitoria do Unasp, permitindo assim o contato da população com diferentes estudos e descobertas realizadas dentro da linha do Design Inteligente e Criacionismo.