Emoção e batismo dão o tom na formatura de Letras e Tradutor no Unasp

Notas Formatura

Escrito por

Luciana Ferreira

Publicado em

16 dez 2019

Crédito imagens

Aicom

A formanda de Tradutor e Intérprete Rafaela Gouveia aproveitou o momento para selar seu compromisso com Deus

A formatura é um momento único de materialização de um projeto de vida sonhado e arquitetado desde o primeiro dia de aula. No último domingo (15), os graduandos dos cursos de Letras e Tradutor e Intérprete do Unasp Engenheiro Coelho receberam seus diplomas em uma cerimônia marcada pela gratidão e surpresas. 

Para o formando em Tradutor e Intérprete Victor Hugo Vaz Storch, o momento  vai além da garantia de ser um bom profissional. “Com o auxílio e guia dos melhores professores que poderiam ter me ensinado o que aprendi nesses quatro anos, completar, terminar e alcançar os meus objetivos se tornaram coisas muito mais fáceis do que eu jamais poderia imaginar”, revela. 

A conquista dos alunos é compartilhada pelos professores do curso como um momento mágico de celebração. “É a coroação dos esforços, da dedicação e do empenho de quem sonhou em vir pro Unasp um dia. Assim, em meio a tanta beleza e sorrisos, esse é o momento de agradecer e festejar pela vitória do aluno, da família, dos professores e do Unasp como um todo”, enfatiza a coordenadora dos cursos de Letras e Tradutor e Intérprete, Ma. Creriane Nunes Lima.

A colação de grau terminou com a decisão da formanda Rafaela Gouveia, que diante de amigos e familiares, selou seu compromisso com Deus através do batismo. O pastor e professor Dr. Milton Torres foi o escolhido para guiá-la nesse momento. “Após essa decisão, eu me sinto uma nova pessoa”, declara Rafaela.