Universitários do Unasp realizam ação social na APAE

Impacto Social

Escrito por

Sabrina Girotto

Publicado em

21 abr 2019

Alunos do curso de administração arrecadaram mais de 350 caixas de bombons para entregar para crianças da APAE, em Campinas, SP.

Na última semana, nos dias 16, 17 e 18 de abril, os alunos do curso de Administração do Unasp Hortolândia entregaram caixas de bombom na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) da cidade de Campinas, SP. Cerca de 430 caixas foram arrecadadas pelos alunos no início do mês e com a proximidade da páscoa, os bombons foram direcionados à Associação, onde crianças e adultos foram contemplados com a lembrança.

Sandra Pontes, coordenadora do Programa Escola da APAE, conta que está sempre em busca de empresas e parceiros que possam estar participando das ações que acontecem na APAE. “Neste ano, convidei a professora Magda para ser uma voluntária e nos ajudar. Ela amadureceu a ideia sobre as caixas de bombons e trouxe, junto com o Unasp Hortolândia, este presente para as crianças”, conta a coordenadora.

Esta foi a primeira vez que os alunos da APAE receberam individualmente uma caixa de bombom. De acordo com Sandra, “ao trabalhar com crianças com vulnerabilidade social, temos que realizar ações que reiterem esses eventos de forma lúdica. De fato, a páscoa não se resume apenas em chocolates, por isso, os alunos além de trazerem estes presentes, trouxeram afeto, alegria e amor para as crianças daqui da Associação”.

Magda Andrade falou sobre a experiência que viveu nesta semana de ações solidárias na APAE; “fazer esse tipo de ação é, para mim, uma realização pois sou apaixonada em levar alegria para outras pessoas. Nós pudemos viver a emoção e o sentimento de amar o próximo, de ajudar instituições necessitadas. Meu objetivo como professora é de que os alunos desenvolvam a partir disso, um querer próprio de entender que podemos fazer mais e alcançar um número maior de pessoas”.

Paula Maximiano, mãe do João Vitor, aluno da APAE se emocionou com a iniciativa dos universitários. “A entrega foi linda! Meu filho adorou e eu também. Para ele este momento da entrega foi muito bom. Ele ficou muito feliz e, para mim como mãe, é isso o que importa, mesmo porque, nesta páscoa eu não poderia dar nada para ele” expressa Paula.