Núcleo de Missões realiza formatura no Unasp Engenheiro Coelho

Acontece no Unasp

Escrito por

Ana Clara Silveira | Edição: Sarah Dornelis

Publicado em

25 nov 2020

Crédito imagens

Emily Pinheiro

No último domingo (22), os alunos internos da Escola de Missão participaram da formatura após um semestre de estudos. A celebração aconteceu próximo a faculdade e condecorou setenta formandos no total. Destes, vinte e cinco estiveram presencialmente. O ambiente, as roupas e comidas típicas de outros países foram um diferencial na noite. Além disso, os formandos puderam convidar um amigo que não conhecia a iniciativa para acompanhar a comemoração.

Os estudantes participaram de 10 aulas online com convidados especiais. Ao final, eles responderam a questionários sobre o livro “Passaporte para a Missão”, do autor Erich Baumgartner. O diretor no núcleo de missões, Rodrigo Sampaio, afirma que “o intuito é preparar os alunos para o campo missionário”. Ainda complementa que a decisão de que o curso seja semestral parte do princípio de que “deve ser um processo e não apenas um evento”. 

Para Caio Godoi, que foi professor e avaliador do processo de formação dos novos missionários, “é gratificante ver tantos alunos se formando na Escola de Missão depois de um semestre intenso de atividades”. Segundo ele, “é possível perceber que esses jovens estão muito mais preparados para encarar a transculturalidade e com a mente muito mais aberta para levar a mensagem do evangelho a várias sociedades e culturas diferentes”. 

Sampaio acrescenta que “criar uma nova cultura em meio aos alunos de envio a longo prazo por meio da Escola de Missão é essencial”. A noite celebrou o fim de um ciclo importante e os alunos se sentiram lisonjeados na cerimônia. Mariana Rafaela foi uma das formandas da noite. “A troca que aconteceu entre missionários já atuantes e nós que somos missionários em construção foi muito especial”, afirma. O Unasp busca, além de formar profissionais, também fomentar o incentivo missionário.