Estudar em meio à natureza ajuda na concentração, diz especialista

Não Classificado

Escrito por

Redação

Publicado em

29 abr 2014

Provas, trabalhos, faculdade. Na correria do dia-a-dia não conseguimos tirar tempo nem para respirar às vezes. No entanto,a respiração é considerada a principal função do organismo. Sem ela não existe vida. Respirar ar puro e com profundidade é um ponto crucial para obtermos qualidade de vida. Ele proporciona oxigênio ideal para ser levado ao organismo. Especialmente para o sistema nervoso e demais órgãos, promovendo a qualidade do sono.

Segundo pesquisas realizadas na Inglaterra e Finlândia e divulgadas no Brasil pelo jornal “Correio Braziliense”, pessoas que moram perto da natureza têm uma saúde melhor do que as que vivem em locais totalmente urbanos. Os estudiosos descobriram ainda que o contato com o verde tem efeito a longo prazo. Mesmo após uma mudança de endereço, os benefícios da experiência permanecem durante anos. A pesquisa também reuniu provas de que um período pequeno por dia passado próximo a áreas verdes pode trazer resultados positivos para o corpo.

De acordo com Lanny Soares, doutora em Ciências Médicas pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), viver em meio à natureza traz diversos benefícios. “Estar em um ambiente natural te proporciona usufruir de alguns dos remédios naturais, como luz solar e ar puro, e isso tem demonstrado benefícios significativos na saúde e na qualidade de vida das pessoas”, afirma.

Lanny explica que estar em contato com a natureza melhora a saúde mental e o humor do indivíduo. “Quando você está em um ambiente bonito e agradável com um visual harmonioso isso traz uma influência fisiológica para o seu corpo e cérebro. Você tem mudanças com os hormônios, que te trazem essa sensação de prazer e bem-estar”, completa.

Nathália Nista estudou Jornalismo durante dois anos em uma universidade particular em Campinas e, atualmente, transferiu seu curso para o Unasp-EC. Ela explica os benefícios e a diferença que sentiu entre estudar no meio urbano e no campo. “Na universidade que estudava os prédios eram todos cinzas e os barulhos da cidade grande me atrapalhavam muito. Aqui no Unasp-EC eu tenho o benefício de estar em um ambiente verde, onde posso ouvir os sons da natureza. Essa mudança tem sido muito boa pra mim, porque me sinto mais relaxada e assim consigo me concentrar mais e aprender mais”, relata.

A biomédica também aborda a questão do aprendizado para o estudante que convive neste ambiente. “Quando você estuda em contato com a natureza, respirando o ar puro e praticando o exercício físico, sua capacidade de concentração e absorção de conteúdo tem um crescimento muito grande”, diz.

Para Neander Santos, aluno do curso de Direito do Unasp-EC, a tranquilidade o ajuda a se concentrar melhor. “A minha vida inteira eu estudei em meio a natureza, por isso me acostumei com um ambiente tranquilo, calmo, sem muito barulho. Gosto de viver e estudar em um lugar assim, pois  me sinto mais motivado em todos os sentidos, tanto acadêmico quanto físico ”, comenta.