Escolas de Engenheiro Coelho recebem projeto pedagógico do Unasp

Impacto Social

Escrito por

Gisele Calisto

Publicado em

14 out 2019

Crédito imagens

Divulgação

O projeto de incentivo à leitura, criado por alunos de pedagogia do Unasp, atendeu 2.569 crianças do município

Em comemoração ao mês das crianças, escolas públicas e privadas do município de Engenheiro Coelho (SP) receberam o projeto de incentivo à leitura “Hora do Conto”, organizado por alunos do 6º semestre da faculdade de Pedagogia do Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp).

O programa foi desenvolvido para atender escolas da Educação Infantil e Ensino Fundamental I, com objetivo de despertar nas crianças o interesse pela leitura. Por meio de peças teatrais, músicas e brincadeiras os alunos são levados a uma experiência imersiva no mundo da literatura.

Hora do Conto

A ideia da “Hora do Conto” surgiu como proposta de integrar o estágio supervisionado com as atividades comemorativas na semana da criança. O projeto foi realizado em todas as escolas municipais de Engenheiro Coelho, incluindo creches, EMEI, EMEFs e o Colégio Unasp.

O conto escolhido para ser trabalhado durante essa edição do projeto foi a obra literária infantil “Ursinho Marrom”. Segundo a coordenadora da iniciativa, Denise Oliveira, a história através da encenação promove uma reflexão sobre a função da leitura no cotidiano como evento de comunicação, interação e informação. Além disso, envolve as crianças com atividades lúdicas, poesia e músicas fazendo da programação um momento atrativo e divertido.

Esta edição envolveu 37 alunos do curso de Pedagogia que participaram de 26 apresentações para 2.569 crianças da cidade.  “Também contamos com a parceria da prefeitura do município na pessoa do supervisor de ensino Régis Forner.  O projeto foi um sucesso e já alinhamos planos para o próximo ano”, destaca a coordenadora.

Atividades pedagógicas

Os alunos do curso de Pedagogia do campus Engenheiro Coelho já participam de outros exercícios de incentivo à leitura, entre eles, o Projeto Livrão. Trata-se de uma proposta interdisciplinar com a literatura infantil. “O ‘livrão’ é a ampliação de um livro de literatura infantil para melhor acessibilidade da leitura e atividades envolvendo a exploração do livro. Diferente da contação de histórias, nessa atividade o livro é lido para as crianças”, explica Denise.

No curso de pedagogia os alunos ainda têm a oportunidade de participar de outros programas como o Programa Institucionaal de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) e o Residência Pedagógica, ambos financiados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).