Curso de Tecnologia em Sistemas para internet do Unasp, realiza palestras para os formandos

Acontece no Unasp

Escrito por

Redação

Publicado em

11 nov 2016

Pensar de forma digital se tornou estratégia de inovação e de geração de negócios. O aumento do número de acessos à internet, ampliou a importância do tecnólogo que domine tanto a “World Wide Web” (WWW) quanto as novas tecnologias. Objetivando o preparo dos nossos futuros tecnólogos, o curso de Tecnologia em Sistemas Para Internet, do Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP), campus Engenheiro Coelho, realizou a VII Semana de Sistemas para Internet.

O curso de TI possibilita a imersão completa no ecossistema digital desde a criação e gerenciamento de sites e aplicativos mobile, até o desenvolvimento de projetos de Marketing Digital. Visando o atual mercado tecnológico, o tema da semana foi: “Ferramentas e soluções para Internet”, como explica o professor do curso, Percival Lucena. “Trabalhamos todos os dias com tecnologia aplicada em projetos de sistemas para “nuvem”, já que atualmente, a maioria dos sistemas são desenvolvidos dessa maneira”, explica.

Durante a semana, os alunos tiveram a oportunidade de ouvir palestras de profissionais que já atuam no mercado de trabalho. Os palestrantes vieram de empresas da região, como a International Business Machines (IBM), e discursaram sobre a sua experiência em criar sistemas para internet e nuvem. “Os palestrantes trouxeram uma certa vivencia para os alunos que estão aqui, e que logo irão se formar”, diz Lucena.

O objetivo da semana foi aproximar dos alunos, a visão do mercado tecnológico, os desafios que terão adiante, e viabilizar o contato dos alunos que estão prestes a se formar, com profissionais que já atuam na área. O universitário Pedro Henrique, aponta que a semana foi de extrema importância para sua bagagem educacional. “Aprendi muito nesses dias. Descobri ramos, um mercado de trabalho que desconhecia, métodos de pesquisa que vai adiantar meus objetivos, e esclareci dúvidas que ainda tinha”, ressalta.