Arqueologia Bíblica em destaque

Não Classificado

Escrito por

Redação

Publicado em

24 set 2014

O Museu de Arqueologia Bíblica “Paulo Bork” é o primeiro núcleo adventista brasileiro destinado a colecionar e expor achados arqueológicos relacionados ao mundo da Bíblia. O maior desse segmento na América Latina. Composto por cerca de duas mil peças, o museu foi Inaugurado em 14 de maio de 2000.

Suas coleções de objetos de cerâmica, moedas, estatuetas, inscrições, entre outros, são uma amostra representativa dos diferentes períodos da história bíblica e do período pós-apostólico, incluindo a invasão islâmica em Israel e a cristandade da Idade Média, abrangendo um período de mais de 4.500 anos, do chamado Bronze III (2600 a.C) até o século 15 d.C.  Grande parte do acervo do museu veio através de doações do arqueólogo Paulo Bork e outros pesquisadores. 

A organização está com um projeto para o novo museu de arqueologia bíblica do Unasp-EC que já está sendo construído. Janaína Xavier, museóloga responsável pelo museu, fala um pouco sobre o novo espaço. “Este novo museu será o único em arqueologia bíblica da América latina. Teremos um auditório e mais 4 salas de exposições, além de um espaço educativo para receber visitas e um laboratório”, explica.

O novo prédio também contará com uma biblioteca exclusiva para pesquisas em arqueologia bíblica. Os organizadores esperam receber diversos pesquisadores e interessados na área. “Já temos uma aluna de mestrado da UFRJ que está utilizando parte de nosso material para a defesa de sua tese”, conta Janaína.