Aniversariantes são presenteados com concerto musical da Acarte

Acontece no Unasp

Escrito por

Aira Annoroso

Publicado em

11 fev 2021

Professores da Acarte realizam concerto musical para aniversariantes do mês no UNASP.

Após um ano de apresentações online, a Academia Adventista de Arte (Acarte), do UNASP campus São Paulo, deu início às suas atividades de 2021 ontem à noite (10). Professores de piano (Klinger Kloos), violino (Renato Pereira) e violoncelo (Boaz de Oliveira) aproveitaram a oportunidade para realizar um concerto musical em homenagem aos aniversariantes do mês. Ao final da programação, os participantes tiveram um momento de confraternização.

O professor de violino, Renato Pereira, confessou durante o evento a falta que sentiu das apresentações com público assistindo, e que espera mais momentos como esse neste ano.

SOBRE A ACARTE

Academia Adventista de Arte (Acarte)

Desde a fundação do UNASP, a arte sempre fez parte do cotidiano das pessoas que ali estudavam e viviam. O primeiro professor de música da instituição, Paul Hennig, formou um coral com 20 vozes e trabalhou até 1921. O Coro Miriam – como passou a ser chamado posteriormente – crescia cada vez mais, e em eventos especiais – como cantatas – chegava a contar com 70 vozes. Conforme a instituição se desenvolvia, a arte acompanhava seus passos.

A ACARTE começou a ser organizada em 1949 pelo maestro Flávio Araújo Garcia, mas já esteve sob direção de importantes músicos como Tércio Simon, Williams Costa Junior, Turíbio de Burgo, Cleide Klein, sendo que atualmente o maestro Davinson Berger administra a escola.

Segundo Berger, a Acarte foi criada porque realmente era necessária, pois tudo que o UNASP fazia, envolvia música, principalmente nos cultos e eventos. ”Eu entendo que com as atividades que o UNASP vinha desenvolvendo, sentia-se a necessidade de ter participações musicais em vários desses momentos, e partir de um tempo, isso precisou ser organizado em um espaço”, afirma. O maestro ainda ressalta que a Acarte é importante porque a arte é essencial na vida. “Não é simplesmente uma escola de música, ela é a parte artística viva do campus”, completa.

A Acarte é “dividida” em duas partes, sendo que uma parte é a escola, com aulas de musicalização, instrumentos musicais, pintura, desenho e o curso técnico de música; e a parte artística, que acontece fora do prédio da Academia, como as apresentações e concertos. Segundo Berger, o campus possui um movimento muito grande de corais e grupos musicais. Atualmente, a Acarte administra e organiza mais de 20 grupos musicais da parte artística, que envolvem cerca de 1800 pessoas. Em contrapartida, a parte da escola conta com aproximadamente 600 alunos.

O QUE A ACARTE OFERECE?

Curso Técnico em Música
(a partir dos 15 anos de idade)

Percepção Musical
(a partir dos 11 anos)

Musicalização infantil
(a partir dos 6 meses de idade)

Bombardino
(a partir dos 8 anos de idade)

Canto
(a partir dos 15 anos de idade)

Clarinete
(a partir dos 8 anos de idade)

Desenho e Pintura
(a partir dos 8 anos de idade)

Flauta Doce
(dos 3 aos 5 anos de idade)

Flauta Transversal
(a partir dos 8 anos de idade)

Percussão
(a partir dos 8 anos de idade)

Piano
(a partir dos 5 anos de idade)

Saxofone
(a partir dos 8 anos de idade)

Trompa
(a partir dos 8 anos de idade)

Trompete
(a partir dos 8 anos de idade)

Violão
(a partir dos 5 anos de idade)

Violino
(a partir dos 5 anos de idade)

Violoncelo
(a partir dos 5 anos de idade)

Guitarra
(a partir dos 8 anos de idade)