UNASP realiza ações para promover a valorização da vida

Acontece no UNASP

Escrito por

Hellen Piris | Edição: Theillyson Lima

Publicado em

20 set 2021

O UNASP Engenheiro Coelho está promovendo diversas ações para a valorização da vida em meio ao Setembro Amarelo. As programações foram lideradas pela Agência Integrada de Comunicação e Marketing (Aicom) em parceria com a Direção de Desenvolvimento Estudantil, que aproveitaram as primeiras semanas do mês para proporcionar novas oportunidades para os alunos internos. 

Valorização da Vida foi tema principal das ações no campus
Música nos dormitórios reuniu alunos para refletir sobre a importância da vida

Valorização da vida em primeiro lugar 

Nossas vidas acontecem rodeadas de amigos, família, atividades e muita informação. Em casa, no trabalho, ou na escola parece que nunca estamos sozinhos, sempre há alguém por perto. Contudo, estar cercado de pessoas não necessariamente significa que a solidão ou depressão não podem bater na nossa porta. 

O UNASP se interessa pelo bem estar emocional dos seus alunos, e por isso, desde o início do mês, a AICOM e a Direção Desenvolvimento Estudantil se mobilizaram para organizar ações nos residenciais feminino, masculino, e no refeitório do campus. Cada atividade foi planejada e desenvolvida para oferecer uma experiência diferenciada aos estudantes durante setembro, mês da prevenção ao suicidio. 

A gerente da AICOM, Leticia Caron, indicou que a iniciativa tem o objetivo de valorizar a vida e “fazer com que os alunos se sintam importantes, amados, e lembrem que não precisam sofrer sozinhos”. 

Notas motivacionais e shows ao vivo   

A primeira ação ocorreu nas recepções dos residenciais, onde foram montados murais para promover as “mensagens positivas”. A atividade propôs escrever uma mensagem motivacional para alguém e levar outra em troca. Já no dia 10, foram montados três palcos também nos residenciais e frente ao refeitório para oferecer shows de música ao vivo.  

Uma das artistas convidadas a participar do evento foi a cantora e estudante de publicidade e propaganda Paula Schneider. Ela conta que escolheu músicas baseadas na temática deste ano e que a mensagem não foi apenas para o público, mas também para ela mesma. “Eu preciso de cura em muitos aspectos da minha saúde mental e uso a música como curativo”. Para ela, os estudantes desfrutaram do momento musical, e sente que o objetivo da iniciativa foi atingido já que “o pessoal ficou bastante feliz e cantaram junto, principalmente no residencial feminino”.

A aluna do segundo semestre de Direito, Agatha Oliveira, assistiu a apresentação e acredita que ela foi importante para relembrar a importância do amor e respeito próprio. “Eu me senti visível, senti que não fui esquecida. Sou grata a Deus por Ele continuar cuidando da gente através de pessoas que se importam conosco”, aponta Agatha. 

Outra das atividades promovidas no campus foi a distribuição de adesivos com frases de apoio e conforto nos espelhos dos banheiros dos residenciais. A atitude surpreendeu positivamente os alunos. O estudante de Engenharia Civil Matheus de Ramos, por exemplo, conta que “não esperava algo assim em um dia aparentemente comum”. Ele acrescenta que lhe serviu de motivação e fez com que o seu dia fosse mais tranquilo e feliz. “Às vezes nós não percebemos como somos especiais e as notinhas vieram para relembrar a nossa beleza externa e interna”. 

Durante o mês de setembro as ações relacionadas à saúde mental e emocional são o principal foco do campus, contudo, não acontecem apenas nessa época do ano. O UNASP Engenheiro Coelho desenvolve outros projetos e atividades durante todo o ano para incentivar o amor próprio e velar pelo bem-estar psicológico dos seus alunos.

Valorização da vida foi tema dos shows.
Alunos também cantaram em frente ao refeitório