O estudo foi desenvolvido na Capela de Santa Bárbara em Artur Nogueira/SP.

O estudo foi desenvolvido na Capela de Santa Bárbara em Artur Nogueira/SP.

Mais de 17 mil pessoas visualizam a reportagem na página do facebook da TV Jornal de Limeira

A pesquisa que resultou no mais recente inventário da capela de Santa Bárbara, localizada na zona rural do município de Artur Nogueira, foi destaque em uma reportagem especial da TV Jornal de Limeira. O levantamento encontrou peças do século XVII que remontam a história de quando as terras nogueirenses serviam apenas de caminho e rota para os bandeirantes.

A reportagem foi feita pela repórter Renata Caram para o programa Jornal da Cidade e exibida na sexta-feira (18). A TV Jornal é sintonizada em cidades como Limeira, Americana, Rio Claro, Mogi Mirim, Araras, Piracicaba, Artur Nogueira, Conchal, Mogi Mirim, Mogi-Guaçu, e Holambra.

O levantamento foi realizado pelas pesquisadoras e professoras dos cursos de Arquitetura e Urbanismo e História do Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp), campus Engenheiro Coelho Unasp, Janaina Xavier (museóloga) e Bárbara Guazzelli (arquiteta).

A antiga capelinha de Artur Nogueira, localizada na região do Bairrinho, guarda boa parte da história do município até sua emancipação. Segundo as tradições orais dos moradores da cidade, nas imediações da onde se localiza a edificação religiosa, teriam acontecido importantes fatos históricos, como a passagem dos bandeirantes na estrada dos Goiases (1722) e seu encontro com os índios Caiapós, o pouso do naturalista francês Auguste de Saint Hilaire, em 1819, e o estabelecimento dos primeiros moradores na Fazenda Boa Vista (1850).

A capelinha guarda ainda uma relíquia que revela a forte religiosidade dos primeiros moradores da região. Uma imagem sacra de Santa Bárbara, datada do ano de 1663, está entre os artefatos de maior valor histórico encontrado.

Você pode assistir a reportagem da TV Jornal através do link original da emissora, ou no post desta reportagem.