Maestrina do Unasp é a primeira mulher a reger Sinfônica de Sumaré

Acontece no Unasp

Escrito por

Glória Barreto

Publicado em

08 maio 2018

No último domingo, 06 de maio, a Banda Sinfônica Municipal de Sumaré se apresentou sob batuta da maestrina e professora da Escola de Artes do Unasp Hortolândia, Meire Ellen Araujo,  como regente convidada. O concerto aconteceu no auditório Arlete Afonso, localizado no Unasp Hortolândia, e contou com uma platéia de aproximadamente cem pessoas. De acordo com Jair dos Santos, maestro titular da Banda Sinfônica de Sumaré, Meire foi a primeira mulher a reger a Banda Sinfônica de Sumaré. Um fato que por si só já tornou a apresentação histórica e especial. “Todo ano a gente convida maestros da região e de outros estados para regerem a Banda Sinfônica de Sumaré, como convidados. Eu fiquei conhecendo a Meire, por um músico da Banda que também é professor aqui do Unasp Hortolândia. Ela foi a primeira mulher a reger a nossa Banda e esperamos que essa parceria com ela e com o Unasp aconteça outras vezes também”, destacou o Maestro.

Em um ambiente em que a grande maioria dos regentes são homens, ser a primeira mulher a estar à frente da Banda Sinfônica Municipal de Sumaré, foi uma grande realização de empoderamento feminino, como explica Meire: “é uma responsabilidade e uma oportunidade muito grande que se abre para nós mulheres. Hoje no Brasil nós temos muitas maestrinas, são mulheres que estão a frente de grupos profissionais e acadêmicos, tanto de orquestra como de bandas, e ter esse convite faz que que eu sinta que estou ajudando a abrir portas para outras mulheres. Foi um espaço muito legal que a Banda Municipal de Sumaré me deu, me senti muito honrada com o convite”.

Confira um trecho final da música “Portrait of Freedom, by Steven Reineke, a primeira música do programa:

Parceira musical

A apresentação de ontem foi a segunda, como resultado da pareceria entre a Banda Municipal e o Unasp Hortolândia. A primeira, aconteceu no dia 25 de abril em Sumaré e de acordo com o Maestro Santos e a maestrina Meire, o relacionamento musical entre Banda e Unasp deve ser ampliada. “Pretendemos continuar essa parceria da Escola de Artes do Unasp com a Banda Sinfônica Municipal de Sumaré, pois queremos incluir os alunos junto aos profissionais da Banda em alguns projetos. Aqui no Unasp nós ensaiamos os alunos, e ter a Banda de Sumaré se apresentando no campus foi uma oportunidade para nossos alunos conhecerem uma banda profissional e assim ver que é possível seguir a carreira de músico”, informou a maestrina Meire.

E quem curte a boa música instrumental também aprovou o concerto. O administrador de empresas, Dalmer Fonseca, que veio ao evento, conta que ficou admirado com a qualidade da apresentação. “Como trompetista, hoje um pouco aposentado, eu sempre fui um apreciador da música. E as bandas, especialmente, me chamam muito atenção pelo instrumental dos metais. Parece fácil, mas é difícil e complicado, e para quem é da área, é muito apaixonante. A programação foi fantástica, perde quem não veio”, destacou Fonseca.

 

Músicos da Banda Sinfônica Municipal de Sumaré sob a batuta da maestrina Meire Araujo.