Escola de Missões orienta universitários do Unasp sobre missão e voluntariado

Cultura e Ciência

Escrito por

Eliandra Zanquetta

Publicado em

13 maio 2019

Crédito imagens

Venâncio Evensen

A Escola de Missões acontece todos os anos como forma de capacitação para quem deseja fazer parte de projetos missionários

O Núcleo de Missões e Crescimento da Igreja (Numci) do Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp), campus Engenheiro Coelho, realizou no último final de semana o projeto de capacitação “Escola de Missões”. O evento apresentou histórias, orientações e dicas importantes para os participantes.

O momento foi de troca de experiência e incentivo para aqueles que desejam ser futuros missionários. Os mais experientes no campo de missões falaram das dificuldades e aprendizados durante os projetos. “Eu queria entender como é, na prática, trabalhar para as pessoas sem ganhar nada em troca. Eu não receberia dinheiro e vantagens acadêmicas, mas pude oferecer àquelas pessoas o que eu tinha e fazer parte de algo maior”, testemunha Victor Sotero após passar um ano na África.

O palestrante do evento, Jael Enéas, explica que não é uma das tarefas mais fáceis abdicar de seu conforto e se aventurar em outro lugar diferente do seu convívio. Entre as dificuldades apontadas pelos missionários, a adaptação à novas culturas e a maneira de se relacionar com as pessoas foram as mais destacadas. Jael frisa ser necessário um treinamento pois “nosso mundo é muito diverso, temos muitas culturas. Então, primeiro precisamos compreender o lugar e depois se inserir”, esclarece o Pastor Jael Enéas, um dos palestrantes do evento.

O Numci promove diversos projetos de voluntariado pelo mundo. Anualmente cerca de 300 universitários do Unasp viajam para diferentes lugares do mundo.  Anualmente 300 universitários do unasp saem para levar auxílio e esperança a diversas localidades do brasil e do exterior, como Índia, China, Chade, Albânia, Tailândia entre outros.