Enfermeira com experiência mundial na área palestra para universitários do Unasp SP

Não Classificado

Escrito por

Redação

Publicado em

26 mar 2014

O Curso de Enfermagem do Centro Universitário Adventista de São Paulo, Unasp, comemora 45 anos em 2014. Fundado em março de 1969, a então Faculdade Adventista de Enfermagem, FAE, foi o primeiro curso de ensino superior adventista a ser oficializado no Brasil.

Como início das comemorações, que acontecem ao longo deste ano, o curso trouxe uma convidada que é referência não apenas para a Enfermagem brasileira como também para o restante do mundo. Trata-se da doutora Taka Oguisso.

“É a enfermeira brasileira de maior projeção internacional. Já viajou por mais de 60 países em missões relacionadas à Enfermagem. Objetivamos trazer alguém que pudesse trazer um panorama global da Enfermagem, e a mais capacitada para isso é ela”, explicou a coordenadora do Curso de Enfermagem do Unasp SP, Maristela Martins.

“Panorama Global da Enfermagem” foi o tema da palestra que a doutora Taka ministrou na segunda semana do mês de março. A aula especial aconteceu no Auditório Ellen White e reuniu todos os estudantes de Enfermagem do Unasp SP.

Os universitários que estão se preparando para serem enfermeiros receberam da doutora Taka uma descrição da realidade da profissão em diferentes regiões do planeta. Durante sua palestra, ela contou diversas experiências vividas em países da Europa, África e, inclusive, nas regiões orientais.

Para Vivian Zorzim, enfermeira e professora da disciplina de História da Enfermagem do Curso de Enfermagem do Unasp SP, o contato com a doutora Taka contribuiu bastante para a formação dos alunos. “Quando eu conheço o que aconteceu com a minha profissão, de onde ela veio, como cresceu e se modernizou, eu tenho mais chances de ter um futuro brilhante, baseado nos erros e nos acertos do passado. A doutora Taka é uma livre docente em História da Enfermagem. Quando ela traz um panorama do que está acontecendo com a Enfermagem no mundo hoje, conseguimos entender onde nós estamos também”, analisou.

A professora Tania Kuntze, pró-reitora de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão do Unasp, também enfermeira graduada pela FAE, lembrou a grande afinidade que a palestrante possui com o Curso desde seu início, na década de 1960.

“Dirigentes da antiga Faculdade Adventista de Enfermagem foram alunos dela, conviveram com ela e a precederam também em algumas ações em organizações de Enfermagem, como por exemplo, a Associação Brasileira de Enfermagem, sede regional aqui de São Paulo, a qual foi presidida por uma ex-diretora e fundadora da Faculdade Adventista de Enfermagem, e depois a doutora Taka a sucedeu. A presença dela é a história viva aqui, participando da história do Curso de Enfermagem”, enfatizou.

Tânia fez menção à Maria Kudzielicz, a primeira diretora da FAE e uma das fundadoras da Associação Brasileira de Enfermagem em São Paulo.

Taka Oguisso aconselhou os futuros enfermeiros a terem persistência, perseverança e estudarem muito. Para ela, o profissional de saúde que para de estudar não avança. “Eu acho que essa geração está no ponto certo pra construir o futuro profissional que a classe gostaria de ter”, expressou.

A respeito do perfil de enfermeiro graduado através do Unasp SP, ela destaca: “Acho que estão muito bem preparados pela formação sólida que recebem. Não apenas do ponto de vista moral, técnico, científico, mas, principalmente, pelo aspecto religioso que todos os alunos carregam, nem que seja um pouco, e é o que falta em outras universidades. Essa formação é extremamente importante e deveria ser consolidada”.

por Murilo Pereira