Cursos do Unasp passarão a ter Matrizes Integradas de Ensino na Graduação

Cultura e Ciência

Escrito por

Mairon Hothon

Publicado em

03 jul 2019

Crédito imagens

Marketing Unasp

Disciplinas da mesma Ciência passarão a ter a mesma matriz curricular a partir de 2020.

A partir de 2020, algumas disciplinas da Graduação do Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp) serão unificadas para cursos semelhantes em sua ciência de estudo. A proposta de matrizes curriculares integradas foi aprovada na última reunião do Conselho Universitário (CONSU) do Unasp que aconteceu quarta-feira 26 de junho.

Depois de uma análise minuciosa das matrizes curriculares do cursos, a proposta é oferecer aos alunos um plano interdisciplinar de estudos a fim do aluno de Publicidade e Propaganda, por exemplo, poder cursar e estudar disciplinas do curso de Rádio TV ou mesmo de Jornalismo, pois todos pertencem à Comunicação Social. Os cursos que passarão por essa aglutinação serão os seguintes:

COMUNICAÇÃO – Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Rádio e TV;

COMPUTAÇÃO – Análise e Desenvolvimento de Sistemas de Informação, Ciência da Computação, Engenharia da Computação;

LICENCIATURAS – Biologia, Ed. Física, Língua Portuguesa, Língua Inglesa, Música, Pedagogia;

GESTÃO – Administração e Ciências Contábeis.

Alunos poderão estudar disciplinas de cursos que são parecidos a fim de ampliar seu conhecimento e visão para o mercado de trabalho.

Segundo o pró-reitor de Graduação, profº Lélio Lellis, essa iniciativa vai refletir não apenas na otimização de recursos pedagógicos e financeiros, mas em uma possibilidade maior de conhecimento ao aluno e melhores resultados no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade).

“Hoje as profissões demandam que a pessoa tenham um conhecimento amplo de praticamente tudo , então um aluno vai poder estudar a área de outro curso que se pareça com o dele. Anualmente teremos aulas de revisão dessas disciplinas para também melhor preparar nossos alunos para o Enade. Essa ajuste curricular vai ajudar inclusive na combate à evasão da sala de aula e num maior aproveitamento dos assuntos ministrados”, explica.

Dupla titulação

Já para os professores que desejam ter uma segunda titulação superior, o Unasp está incentivando com planos especiais para que o docente faça a graduação de Formação Pedagógica e Segunda Licenciatura pelo sistema EaD. Com duração de apenas um ano, o curso dar ao profissional uma segunda formação com possibilidades de consultorias e assessorias ou mesmo trabalhar em editoras de livros didáticos, produtoras de cursos a distância, escolas de idiomas ou mesmo em espaços como hospitais, bibliotecas, museus e brinquedotecas.