Alunos do 9º ano apresentam sarau “Faço Parte dessa História”

Não Classificado

Escrito por

Redação

Publicado em

08 maio 2015

Os alunos do 9º do Colégio UNASP emocionaram o público do Salão Nobre na noite do dia 7 de maio. No sarau “Faço Parte dessa História” eles usaram a arte, a criatividade e o talento para contarem a história da escola onde estudam, o UNASP campus São Paulo.

Os preparativos começaram cedo, desde o primeiro dia de aula, conta a professora de Língua Portuguesa, Berenice Zabel Wuttke, responsável por dirigir o sarau e preparar os alunos. “Foi muito interessante porque nós pudemos pesquisar, aprender e nos emocionar com as histórias. Eles perceberam que o UNASP tem história e que podem viver essa história e contar às outras pessoas”, descreveu.

Assim aconteceu. A apresentação, rica em detalhes, trouxe várias narrativas interessantes que aconteceram no campus durante esse século de existência. O roteiro, seguindo a cronologia das décadas, passou pelas fases do Seminário Adventista, CAB, IAE até chegar ao UNASP-SP. Para contar as histórias, os alunos se caracterizaram com a reprodução de uniformes idênticos aos que já foram usados na escola.

Dentre as histórias que mais emocionaram o público, uma foi contada diretamente por quem a viveu. O casal Belisário e Geni Marques se conheceu no antigo CAB quando eram alunos internos. Casaram-se e testemunham de uma experiência vivida por muitos outros casais e famílias formados por alunos que passaram por essa instituição.

Psicólogo admirado e respeitado não apenas no Brasil, Belisário lembra o quanto era simples quando chegou ao CAB e o que esse lugar significa para sua vida. “Eu me sinto muito satisfeito, muito honrado e muito agradecido por ter alcançado tudo o que eu alcancei graças ao colégio. Cheguei aqui semianalfabeto. Graças ao fato de terem abrido a mente eu pude fazer um curso em uma universidade americana e alcançar o melhor título. Agradeço ao UNASP e ao nosso CAB, especialmente porque eu e a Geni nos encontramos aqui”, expressou.

“Eu me senti completamente honrada porque eu sou apaixonada pelo CAB e também sou apaixonada pelo Belisário”, completou a professora Geni ao terminar a apresentação.

Entre o público e os participantes que se admiraram com o sarau, esteve a família de dona Tereza Oliveira. Ela veio para assistir à apresentação do neto João Victor Oliveira acompanhada pela filha, Geani Oliveira, que é estudante de Pedagogia. Mãe e filho estudam na mesma instituição que teve sua história contada no sarau.

Tereza, que só conhecia o UNASP-SP por foto, gostou muito do que viu. “Gostei de tudo. Acho maravilhoso ele e a mãe frequentarem o mesmo colégio”, disse.

João Victor, que este ano conclui a segunda fase do Ensino Fundamental, conta que participar do sarau foi uma grande responsabilidade e também um privilégio. “Me sinto uma pessoa muito privilegiada de participar de uma turma que está se formando no nono ano e ainda participar desse sarau. O UNASP sempre foi uma escola exemplo. É uma grande escola. Espero continuar estudando aqui e continuar aprendendo valores”, considerou.

“Me emocionei em diversos momentos do sarau. Essa escola imprime valores no coração das pessoas. Hoje em dia estamos carentes de uma juventude com valores, com princípios enraizados”, enfatizou Geani, que trocou de faculdade para estudar na mesma instituição em que decidiu matricular Victor desde quando esperava ele nascer.

“É importante fazer o aluno sentir que ele faz parte de algo, que ele não é mero espectador, mas que está construindo história hoje. Cada momento que ele vive com os amigos nesse colégio é a construção que da sua própria história e da história do UNASP”, conclui Berenice.

por Murilo Pereira