Blog do Unasp

Regente de coral: o que faz e o que é preciso para ser um?

Ao ver um coral cantando é comum que haja uma pessoa à frente fazendo gestos. Por acaso alguma vez você se questionou qual era o papel do regente? Descubra!

Quem fica a frente de um coro é o chamado regente. Mas primeiramente vamos entender, o que é regência?

No contexto geral, regência é a arte de transmitir a um conjunto instrumental ou vocal o ritmo e a expressão de uma música. Portanto, o regente é a ligação entre o compositor da obra musical e os instrumentistas ou cantores. Nesse sentido é como se fosse um triângulo constituído por compositor – regente – músicos. Da mesma forma, mas de maneira específica, Regência coral é a arte da condução e controle de coros.

Mas e aí, por que ele fica à frente do coral?

Então, a posição do corpo do regente à frente da orquestra ou grupo musical influi seriamente na execução da música. Dessa maneira, o regente deve conservar uma atitude de autoridade e de respeito diante dos seus coristas e seus gestos devem ser vistos por qualquer integrante do conjunto, salvo que ele é essencial para o ritmo e expressão da música.

Como a regência em si é transmitida pelas mãos, geralmente a direita marca os tempos do compasso ao mesmo tempo que a esquerda indicará as entradas e a dinâmica. No entanto, a arte da regência engloba aspectos amplos de conhecimento musical, cultura geral, habilidades interpessoais e de coordenação motora, e acima de tudo a capacidade de inspirar cantores a darem o seu melhor no trabalho do coral.

Está gostando dos conteúdos?

Então, assine a newsletter e receba todas as novidade direto no seu e-mail!

Valeu por se inscrever! Em breve mandaremos as novidades do blog!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!

Certamente um dos principais objetivos do trabalho em um coral é uma boa apresentação pública. Mas para que isso possa ser alcançado são necessários excelentes ensaios. E ali é que o regente deve ser um músico e líder inspirador. Dessa maneira, o sucesso do ensaio passa pela preparação do regente coral, isto é, muito antes que este faça o primeiro ensaio.

Qualidades fundamentais para ser um regente

Sociabilidade

É necessário saber se relacionar com o grupo. Isto é, habilidade de compreender outras pessoas. Dessa maneira, saber lidar com às mudanças de humor dos outros, ao mesmo tempo perceber sentimentos, motivações e preocupações dos outros. Além disso, entender que o coral exerce uma função social.

Ser líder

Ser líder é orientar e guiar pessoas. Assim como motivar e incentivar. E além disso ser uma inspiração, um modelo.

Inspirar o grupo

Cada voz de um coral é como um instrumento. Por isso é necessário dar a eles a satisfação e o prazer de estar envolvido com a música.

Amar a atividade

Amar o que faz é importante em todas as profissões e nessa não é diferente. No entanto o regente deve transparecer para os coralistas isso, para que eles também amem aquela atividade.

Regência coral no Unasp

A atividade de coral está em crescimento e, por consequência, as oportunidades de trabalho para os regentes. Por isso o Unasp oferece um curso de Pós-Graduação em Regência Coral. O curso tem o propósito de oferecer continuação à etapa acadêmica musical; além disso, contribuir para a formação mais consistente dos profissionais da música e ao mesmo tempo que o canto coral em escolas, igrejas, empresas e em outras instituições.

Ei, não vá embora sem assinar a nossa newsletter!

É só colocar seu e-mail aqui em baixo para receber os melhores conteúdos do blog.

Valeu por se inscrever! Em breve mandaremos as novidades do blog!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!

Veja também

Gostando dos conteúdos?

Receba as atualizações no seu e-mail! Insira seu endereço ao lado e não perca as novidades.

Obrigado por se inscrever! Em breve você receberá nossas atualizações no seu e-mail!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!