Blog do Unasp

O uso compulsivo do celular e a saúde

smartphone-shopping-1

O uso de dos telefones chamados smartphones é cada vez mais comum e pesquisas mostram que, em média, uma pessoa olha 150 vezes para o aparelho ao longo do dia. O jornal Daily Mail publicou alguns danos que o uso exagerado pode causar, entre eles, problemas de saúde e até na vida social.

Veja abaixo alguns exemplos:

1) Nomophobia

A nomophobia é o aumento acentuado da ansiedade que algumas pessoas sentem quando são separadas de seus telefones.  O distúrbio pode ter efeitos negativos muito reais na vida das pessoas no mundo todo. E é mais intenso naqueles mais viciadinhos nos dispositivos móveis. O termo “Nomophobia” é uma abreviatura de “no-mobile phobia” (medo de ficar sem telefone móvel).

2) Síndrome do toque fantasma

É quando o seu cérebro faz com que você pense que seu celular está vibrando. Alguma vez você já tirou o telefone do bolso porque o sentiu tocar e percebeu depois que ele estava no silencioso o tempo todo? E, ainda mais estranho, ele nem estava no seu bolso para começo de conversa? 70% dos heavy users (usuários intensivos) de dispositivos móveis já relataram ter experimentado o telefone tocando ou vibrando mesmo sem ter recebido nenhuma ligação. Tudo graças a mecanismos de resposta perdidos em nossos cérebros.

3) Danos aos olhos
Focar a visão em um objeto pequeno por muito tempo pode deixar os olhos ressecados, o que pode causar inflamações e infecções.

180373d28730135a439b38

4) Prejudicar a coluna
O uso dos celulares está mudando a postura. A tendência é a de pender o pescoço para frente para ler algo no smartphone ou tablet. Essa postura comprime os nervos que elevam a cabeça e causam dores de cabeça e a sensação de cansaço e rigidez na região.

5) Papada
O uso excessivo do telefone pode mudar os contornos do rosto, causando flacidez na região inferior da face. Com o passar dos anos, a pele perde elasticidade e, passar horas forçando o pescoço para frente, aumenta as chances de criar papada.

tumblr_lksu7rcw8T1qjkt31o1_500_large

6) Acne
A tela dos smartphones esquenta em contato com a pele e pesquisas já mostraram que carrega 18 vezes mais germes do que um banheiro masculino.

7) Atrapalhar o sono
Manter aparelhos eletrônicos ao lado da cama tende a atrapalhar o sono. As luzes que ficam acesas interferem na produção de hormônios que ajudam a dormir, como a melatonina. Desligar o celular ou mantê-lo fora do quarto é recomendado.

seminggu-tanpa-smartphone

8) Atrapalhar relacionamentos
Smartphones foram feitos para facilitar a comunicação, mas podem ter efeito contrário. É comum não dar a devida atenção a pessoas que estão fisicamente presentes e pesquisas mostram que quanto mais engajada é uma pessoa nas redes sociais, menos contato mantém com a família.

É claro que nos dias de hoje ficar sem usar o celular é mais complicado do que alguns anos atrás. Mas, sempre é bom tomarmos bastante cuidado, pois a saúde é um bem muito precioso que temos, e uma vez perdida, é difícil te termos de volta por completo.

 

Fontes: Terra Saúde

SalvarSalvar

Veja também

Gostando dos conteúdos?

Receba as atualizações no seu e-mail!
Insira seu endereço ao lado e não perca as novidades.