Blog do Unasp

Bons motivos para fazer uma pós em Educação Especial Inclusiva

A Educação Especial Inclusiva engloba uma imensa diversidade de necessidades educativas especiais. Além disso, ela se propõe a promover uma melhor qualidade de vida para seus alunos. 

A educação especial e a inclusiva ainda são um desafio para muitas escolas no Brasil e no mundo, despertando assim, certas dúvidas em alguns educadores em relação aos métodos e formas de aplicá-las. Por isso que cursos e capacitações são extremamente necessários para a formação desses profissionais. 

A Educação Especial Inclusiva engloba uma imensa diversidade de necessidades educativas especiais, assim como uma equipe multidisciplinar, composta por profissionais e especialistas.

Você tem interesse na área? Então, continue lendo esse post.

O que é Educação Especial?

A Educação Especial é uma modalidade ou formato de ensino que tem como objetivo promover o aprendizado e o desenvolvimento das habilidades de pessoas com deficiência. 

Ou seja, os profissionais da área são altamente preparados para atuar em escolas regulares ou especializadas, em todos os níveis e graus do sistema de ensino. Na educação especial, são recebidos preferencialmente alunos com deficiências ou altas habilidades.

O que é educação inclusiva?

Certamente você já ouviu falar em Educação Inclusiva, que tem seu fundamento no princípio da igualdade e está previsto no Art. 5º, da Constituição Federal de 1988. Dessa forma, ele pressupõe que as pessoas colocadas em situações diferentes, sejam tratadas de forma diferente.

“Tratando igualmente os iguais e desigualmente os desiguais, na exata medida de suas desigualdades.”

Portanto, a Educação Inclusiva trata-se de reconhecer e valorizar as diferenças sem qualquer exceção ou discriminação com base em raça, cor, sexo, língua e religião.

Além dessas, opiniões políticas, origem social ou nacional, estado de saúde, nascimento ou outra situação que diga respeito à pessoa com deficiência ou à sua família, também são valorizadas.

Já essa modalidade de ensino, tem como principal característica a convivência e o aprendizado de alunos com e sem deficiência.

Está gostando dos conteúdos?

Então, assine a newsletter e receba todas as novidade direto no seu e-mail!

Valeu por se inscrever! Por isso, em breve mandaremos as novidades do blog!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!

Motivos para fazer uma pós em Educação Especial Inclusiva

Quem atua na área pedagógica, sabe que receber um aluno com deficiência em uma escola regular exige algumas adaptações. Por exemplo, na estrutura física da escola e na dinâmica de ensino e aprendizagem.

Do mesmo modo que esses espaços precisam de reestruturação, muitos professores têm dúvidas sobre o processo de inclusão e também precisam se reinventar e se especializar na área.

Portanto, para que essa prática se dê da melhor forma possível, é essencial que o profissional conheça o aluno. Além disso,  entenda sobre a sua carência e deficiência, sendo criativo, profissional e preocupado em promover melhor qualidade de vida.

O profissional que é especialista em educação especial inclusiva, possui a habilidade de construir e adaptar as matrizes curriculares. Dessa forma, ele utiliza técnicas e ferramentas que melhor se adequem às características dos alunos, alcançando, assim, um maior grau de eficiência.

Além disso, a inclusão na educação é a melhor forma de possibilitar aos alunos com deficiência o desempenho de suas habilidades e a formação cidadã.

A especialização em educação especial inclusiva é uma importante ferramenta para vencer os desafios na educação regular e inclusiva. Ela auxilia o profissional à resolução de inúmeras questões relacionadas ao dia a dia nas escolas.

A valorização profissional é um reflexo dessa especialização, que tem um mercado de trabalho em expansão no país. Afinal, o especialista tem conhecimento legal e histórico, além de um posicionamento assertivo com relação ao trabalho com a diversidade na sala de aula.

Essa especialização pode ser um grande diferencial no currículo. E, ainda, há uma vantagem competitiva, caso você se inscreva em concursos públicos ou busque uma colocação nos setores públicos. Cursos de pós-graduação costumam somar pontos nas provas de títulos ou são importantes para promoções em planos de carreira.

Educação Especial Inclusiva com Ênfase em TEA

A especialização em Educação Especial Inclusiva com Ênfase em TEA aqui do Unasp objetiva a qualificação do profissional para o atendimento às pessoas com distúrbios. Possibilita também o atendimento de pessoas com deficiências, transtornos e/ou Necessidades Educacionais Especiais. 

Agindo então, tanto de natureza física como mental, tendo em vista a necessidade da criação de ambientes escolares igualitários. Oferecendo, então, acesso e oportunidades a alunos com todos os tipos de necessidade. 

Alguns objetivos do curso, são:

  • Relacionar a neurociência, Pedagogia, Psicologia, Assistência Social, Fonoaudiologia, Educação Física, Terapia Ocupacional e áreas afins. Fazendo isso, por meio do conhecimento das relações neuropsicopedagogicas essenciais ao processo de aprendizagem;
  • Compreender mecanismos cerebrais relacionados à aprendizagem, memória, linguagem, aos sistemas sensoriais e motores, atenção, emoções, ao comportamento;
  • Entender como funciona as bases neurocientíficas dos processos envolvidos na aprendizagem;
  • Compreender fatores que podem comprometer o processo de aprendizagem relacionados aos transtornos do desenvolvimento, dentre outros.

Durante o curso, o aluno irá se deparar com disciplinas e conteúdos programáticos, como:

  • Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva;
  • Aspectos neurológicos, psicológicos do desenvolvimento;
  • Inclusão social e escolar de pessoa com deficiência intelectual;
  • Inclusão social e escolar de pessoa com autismo;
  • Inclusão social e escolar de pessoa com deficiência auditiva/ libras;
  • Inclusão social e escolar de pessoa com deficiência visual/ braile;
  • Inclusão social e escolar de pessoa com deficiência física;
  • Inclusão social e escolar de pessoas com altas habilidades;
  • TEA: família e legislação;
  • TEA: TPS e stims;
  • TEA: classificação e demandas pedagógicas customizadas;
  • TEA jovens e adultos: intervenção universidade e trabalho, dentre outras.

O Curso de Pós-Graduação em Educação Especial Inclusiva com Ênfase em TEA é um tremendo diferencial para o profissional que trabalha na área de educação  O que achou da área? Saiba mais sobre o curso e venha para o Unasp!

Até a próxima!

Não vá embora sem assinar a nossa newsletter!

Coloque o seu e-mail aqui em baixo para receber os melhores conteúdos do blog.

Valeu por se inscrever! Por isso, em breve mandaremos as novidades do blog!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!

Veja também

Gostando dos conteúdos?

Receba as atualizações no seu e-mail! Insira seu endereço ao lado e não perca as novidades.

Obrigado por se inscrever! Em breve você receberá nossas atualizações no seu e-mail!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!