Blog do Unasp

Medicina veterinária: Conheça as 3 grandes especializações clínicas

Há diversas áreas de atuação para o médico veterinário, mas quando se trata de atendimento clínico, há três especializações para os diferentes tipos de animais. 

O médico veterinário é responsável pela saúde, não somente dos animais como também de seres humanos, além de ter uma participação importante na sustentabilidade do meio ambiente. Não é legal? Existem muitas áreas de especializações para os médicos veterinários!

Após terminar a faculdade, você encontrará um mercado que oferece muitas áreas de atuação. Já falamos um pouco mais sobre esse assunto aqui no blog. Que tal dar uma olhada?

Agora, se entre tantas possibilidades o veterinário(a) decidir atuar em clínicas de atendimentos, existe também não só uma, mas três especializações diferentes na área.

Para compreender a diferença entres essas três áreas é bem simples. Em síntese, basta escolher a sua preferência entre animais de grande e pequeno porte, ou silvestres/exóticos.   

E para te ajudar a identificar este gosto, vamos apresentar estas 3 especializações e os tipos de animais que elas trabalham. Lembrando que cada área não se resume apenas ao atendimento, mas abrange também os campos de exames, cirúrgicos, entre outros relacionados a clínica, seja ela urbana ou não.

Vamos lá?

1. Animais de pequeno porte

Esta é a especialização mais escolhida e conhecida pela maioria das pessoas. Afinal é para este tipo de profissional que levamos os nossos queridos cachorrinhos e gatinhos.

O veterinário nessa área é responsável pelo atendimento, por aplicar vacinas, fazer procedimentos ambulatoriais (exames, etc) e cirurgias. 

Basicamente se encaixam aqui apenas esses dois animais apesar de existirem uma variedade grande de animais domésticos. Pois, o contexto de doméstico acaba entrando em quase todos os âmbitos. Por exemplo: uma vaca pode ser considerado doméstico, assim como uma ave. E nenhuma delas está dentro do pequeno porte para a medicina veterinária.  

Está gostando dos conteúdos?

Assine a newsletter e receba todas as novidade direto no seu e-mail!

Valeu por se inscrever! Em breve mandaremos as novidades do blog!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!

2. Animais de grande porte

Se a sua vontade é trabalhar em clínicas rurais cuidando dos grandes animais, esta é a especialização certa.

Estes animais, também são considerados domésticos, ao mesmo tempo que são de produção. Por ter essa conexão com a produção de origem animal, é comum ser trabalhado nessa área pontos como inseminação artificial e melhoramento genético.

O especialista em grande porte é responsável por atender diversos rebanhos, desde bois e cavalos, até ovelhas, suínos e aves. São cuidados que envolvem doenças de pele, traumatismos, desnutrição, lesões, procedimentos cirúrgicos, exames, vacinação, e por aí vai.

3. Animais silvestres/exóticos

Esta é área super interessante e em expansão, uma vez que hoje em dia tem aumentado o número de animais exóticos e silvestres como domésticos.

Alguns exemplos de animais silvestres são os pássaros, coelhos, porquinhos-da-índia, chinchilas, cobras, lagartos e por aí vai (vale ressaltar que nem todas as raças estão legalizadas). Por isso, a procura por veterinários clínicos nessa área tem crescido tanto. Igualmente as outras áreas citadas acima, aqui os médicos também vão cuidar do animalzinho desde a consultas até exames e cirurgias. É uma área mais complexa pela infinidade de raças e tipos de animais.

Entretanto, apesar disso, os estudos são poucos em comparação aos de pequeno porte, o que pode indicar uma oportunidade inclusive para os pesquisadores de plantão. Você também poderá trabalhar em zoológicos, fazendas de criação de animais silvestre/exóticos, campos de preservação ou reabilitação, por concurso público, entre outros.

E aí, qual área você gostou mais?

Ficou mais fácil entender quais são as especializações clínicas na área de medicina veterinária? Esperamos que sim!

Conta aí nos comentários qual seria a sua escolha.

Até a próxima 😉

Ei, não vá embora sem assinar a nossa newsletter!

É só colocar seu e-mail aqui em baixo para receber os melhores conteúdos do blog.

Valeu por se inscrever! Em breve mandaremos as novidades do blog!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!

Veja também

Gostando dos conteúdos?

Receba as atualizações no seu e-mail! Insira seu endereço ao lado e não perca as novidades.

Obrigado por se inscrever! Em breve você receberá nossas atualizações no seu e-mail!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!