Blog do Unasp

Intercâmbio: devo fazer ou não fazer? É tão importante assim?

Se você gosta de estudar novos idiomas e possui facilidade em assimilar novas culturas, pode ser que você tenha potencial para fazer um intercâmbio. Mas será que é importante?

Sim, é muito importante! Tanto para as pessoas mais aventureiras. Tanto quanto para aquelas pessoas que não possuem facilidade para aprender novos idiomas ou até mesmo possuem o receio de sair da zona de conforto. Inclusive, o intercâmbio pode ser incrivelmente enriquecedor para esse último grupo.

Fazer o intercâmbio é uma experiência que muda a nossa vida, literalmente! Seja para aprender um novo idioma, crescer como estudante ou profissional, e até mesmo para quem deseja respirar novos ares e mudar de paisagens. Essa não é só uma viagem, é um período que levará você a um novo nível de conhecimento. É uma experiência que agregará valores intrínsecos que mudarão sua maneira de encarar o mundo.

Já tá animado? Nós sentimos que sim! Por isso, separamos algumas dicas que irão te ajudar a dar o próximo passo.

Pés no chão

Quando a gente pensa em realizar um intercâmbio logo vêm os principais destinos do mundo à nossa cabeça. Geralmente esses destinos são os mais caros e também os que mais precisam de planejamento.

Pode ser que pela realidade e condição seja melhor cogitar um destino alternativo, mas que trará uma experiência tão valiosa quanto. Portanto, levante o máximo de informações possíveis sobre os mais diversos destinos e compare com a sua condição financeira e o perfil.

Nem sempre o destino mais bombado seja o melhor para você.

Hora certa

Existem diversos tipos de intercâmbio. Há aqueles que você dedica o período de férias e outros que você ficará por um semestre ou até mesmo um ano ou mais. Sendo assim, é importante avaliar se você deseja dar um “up” nos estudos com uma experiência mais completa ou se deseja uma experiência mais compacta.

Em suma, uma experiência com um tempo menor de duração é mais indicada para quem não possui muito tempo para viver em outro país. Como também para aquelas pessoas que possuem uma certa dificuldade em se adaptar com novas culturas. E até mesmo para quem possuí vínculos aqui no Brasil, como a faculdade ou emprego.

Já o intercâmbio com um período maior de permanência é o pacote ideal para quem quer ter uma imersão completa na língua e cultura de outro país. Nesses casos é preciso ir de mente e coração abertos, afinal você passará uma temporada longa longe de casa. No entanto vale lembrar, a experiência trará muitos aprendizados.

Está gostando dos conteúdos?

Então, assine a newsletter e receba todas as novidade direto no seu e-mail!

Valeu por se inscrever! Em breve mandaremos as novidades do blog!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!

Dinheiro, Money, la plata

Vamos combinar? Intercâmbios não são baratos. Naturalmente que essa opção de viagem exige de nós o mínimo de planejamento financeiro.Por exemplo, um pacote mais simples e mais curto (período de permanência) exigirá um investimento em média de 5 a 6 mil reais. Por conta disso, um programa mais completo poderá chegar a 40mil reais ou mais. Sim, é preciso acionar a planilha de castos e planejar.

São vários os fatores que pesam no orçamento. Por exemplo: local de hospedagem, refeições, o curso que você escolheu, passagens aéreas, alimentação e outras pequenas despesas. No entanto, tudo isso dever ser visto e avaliado como um investimento. Portanto, não encare o intercâmbio como uma viagem de férias. É negócio sério e frequentemente podemos esquecer disso. Por isso não custa lembrar, essa é uma viagem com propósito.

Hospedagem

A hospedagem decerto é a maior preocupação do intercambista. E ela vai desde da opção de ficar em casa de famílias, que abrem suas portas para estudantes, até apartamentos compartilhados. Como também Airbnb, hotel e até moradia estudantil.

No entanto o ideal é analisar todas as opções.

Por exemplo, ficar na casa de uma família pode ser mais barato, todavia demandará resiliência e jogo de cintura a mais para lidar com a rotina dos seus anfitriões. Será que vale a pena para você?

Portanto, antes de tomar qualquer decisão você deve fazer uma lista com os fatores positivos e negativos das opções e escolher a que mais se adequa à sua realidade e necessidade. E nada impede de você fazer trocas de habitação eventualmente no decorrer do intercâmbio.

Refeições

Aqui o desafio não é tão grande, você pode comer em restaurantes e lanchonetes. No entanto, para quem está a fim de economizar o ideal mesmo é cozinhar em casa. Portanto, se você não é lá muito chegado nas panelas, antes de ir para o intercâmbio peça para a sua mãe ou tia te darem aquelas dicas espertas 😉

Passagens aéreas e seguro viagem

Bem, você pode escolher um período de baixa temporada para economizar nas passagens. Usar milhas também é uma ótima opção. Dependendo da sua idade e curso é possível comprar passagem com desconto.

Consulte um agente de viagem para mais informações. Alguns países exigem seguro de viagem para emissão do visto, de qualquer forma, é bom que você viaje segurado. Sério, é muito importante fazer seguro de viagem! Qualquer problema que der é bom estar amparado.

Converse com quem entende

Entrar em contato com pessoas que já estiveram no local escolhido, ou com um profissional especializado, irá te ajudar no planejamento. Além disso, também deixará você mais seguro e mais tranquilo emocionalmente.

Ou seja, toda ajuda é bem vinda nesse momento. Sendo assim, quanto mais informações precisas e de fontes seguras melhor para que não haja erros e surpresas.

Mão na massa

Faça uma lista dos passos a serem seguidos e vá ticando todos os pontos resolvidos. Não se esqueça da documentação necessária, vacinas, seguros, bagagem a ser levada, dinheiro para as despesas no local e até da lista de presentinhos a serem trazidos para os amigos.

No mais divirta-se e que seja uma experiência única.

Intercâmbio Unasp

Nossa maior responsabilidade é oferecer escolas com muita segurança, qualidade e excelência acadêmica e acompanhamento constante antes e durante o período que o aluno estiver fora do Brasil.

Por isso, temos diferentes programas em  vários países  com idiomas diferentes para que ampliando as possibilidades possamos encontrar o programa certo para cada estudante, independentemente do perfil, da idade e do orçamento familiar.

Todos os anos nossos alunos tem a oportunidade de viver uma experiência surpreendente e inesquecível em outro país, realizando o intercâmbio, organizado pelo Instituto de Línguas.

Até a próxima!

Ei, não vá embora sem assinar a nossa newsletter!

É só colocar seu e-mail aqui em baixo para receber os melhores conteúdos do blog.

Valeu por se inscrever! Em breve mandaremos as novidades do blog!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!

Veja também

Gostando dos conteúdos?

Receba as atualizações no seu e-mail! Insira seu endereço ao lado e não perca as novidades.

Obrigado por se inscrever! Em breve você receberá nossas atualizações no seu e-mail!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!