Blog do Unasp

Os erros mais comuns que devem ser evitados ao escrever uma redação

Esteja mais preparado e confiante para fazer uma boa redação sabendo quais os erros devem ser evitados na hora de escrever.

Você já deve saber que a redação faz parte da maioria, se não de todos os vestibulares no Brasil. Além, é claro do Enem. Assim como as demais disciplinas aplicadas na prova, a redação é muito importante durante a avaliação do vestibulando. Portanto, é preciso dedicar tempo para estudar as melhores formas de escrever uma redação.

Se por um lado é aconselhável praticar as melhores formas de escrever uma redação, por outro também é importante saber quais são os erros mais comuns cometidos durante essa produção textual. Dessa forma você pode ter uma vantagem extra.

Por isso, pensando em te ajudar, listamos alguns dos principais erros que devem ser evitados na hora de escrever sua redação. Essas dicas irão te ajudar a escrever as suas próximas redações de treino e também a redação do vestibular. Vamos ver?

1. Escrever à lápis

Esse é um dos erros mais comuns e às vezes passa despercebido. Em todos os vestibulares e provas, a entrega da avaliação feita à lápis caracteriza desclassificação. Nenhuma instituição irá corrigir uma atividade desse tipo.

Então, se você tem o costume de escrever à lápis, já vai treinando o uso da caneta. No entanto, caso você sinta mais confiança escrever à lápis, crie o hábito de passar a caneta por cima assim que acabar a produção textual. Porém não esqueça, no dia da prova: caneta!

2. Letra ilegível

Uma letra “feia”, mal escrita, estilo garrancho, pode desclassificar sua redação. É preciso ter muita atenção ao escrever para que sua letra esteja legível e de um tamanho adequado.

Logo, se você está percebendo que sua letra pode ser um empecilho é bom comprar um caderno de caligrafia para trinar um pouco. Tentar afinar a ponta do lápis, trocar a caneta e utilizar a letra de forma, por exemplo, pode ser uma solução.

Não dá pra ter sucesso na redação com uma letra de outro mundo, concorda? Além disso, escrever com letra caprichada facilita o trabalho dos professores corretores da redação.

3. Fugir do tema

As redações possuem um tema específico e fugir dele é um problema. Desviar do assunto ou ficar “viajando na maionese” é um deslize muito perigoso, que também pode causar sua eliminação.

Para evitar esse erro, certifique-se do tema solicitado e se as suas palavras estão indo pelo caminho certo. Do mesmo modo, certifique-se que as suas citações e embasamentos de opinião estão pertinentes ao tema e se caminham para uma solução da problemática.

Está gostando dos conteúdos?

Assine a newsletter e receba todas as novidade direto no seu e-mail!

Valeu por se inscrever! Em breve mandaremos as novidades do blog!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!

4. Usar gírias e chavões

A Língua Portuguesa é rica e vasta em sua composição, assim como a quantidade de gírias que nós, os falantes da língua, também criamos. Essas adaptações e dinamismo são inevitáveis em um país tão grande como o Brasil e seus infinitos dialetos.

Porém, utilizar gírias, chavões e outros argumentos infundados podem prejudicar a sua redação. Ou seja, escrever “tipo assim”, “daí”, “tá ligado” e “faca de dois gumes”, por exemplo, caracterizam falta de repertório linguístico-gramatical e de originalidade, empobrecendo muito a redação. Evite!

5. Troca do gênero exigido

Só para ficar bem claro, o gênero exigindo na redação do Enem é a Dissertação – Argumentativa. De acordo com esse gênero o texto é opinativo e organiza-se na defesa de seu ponto de vista sobre determinado assunto, podendo provocar o questionamento ou sugerir solução para o problema.

Então, lembre-se que o gênero exigido não é poema, cartas, poesias ou narrativas. É Dissertação Argumentativa. 

6. Não revisar

Todos nós estamos propensos a errar, isso é normal. No entanto, quando falamos de redação, precisamos redobrar a atenção para nada sair errado. Portanto, é muito importante que você revise o que escreveu.

Erros de pontuação, acentuação e concordância irão comprometer o sentindo da atividade e sua avaliação na redação. Então, antes de entregar dê uma última revisada em todos os tópicos, palavras, contexto, coerência e coesão. Combinado?

Boa redação!

Esperamos que essas dicas ajudem você a se sair bem na redação. Podem parecer coisas simples e sem valor, mas na verdade, todos esses erros podem levar à desclassificação.

Boa redação e até a próxima!

Ei, não vá embora sem assinar a nossa newsletter!

É só colocar seu e-mail aqui em baixo para receber os melhores conteúdos do blog.

Valeu por se inscrever! Em breve mandaremos as novidades do blog!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!

Veja também

Gostando dos conteúdos?

Receba as atualizações no seu e-mail! Insira seu endereço ao lado e não perca as novidades.

Obrigado por se inscrever! Em breve você receberá nossas atualizações no seu e-mail!
Ocorreu um erro interno neste formulário! Por favor, entre em contato com o responsável pelo site!