Blog do Unasp

Ciências Biológicas: descubra as principais áreas de atuação do biólogo.

Se desde criança você é um amante da natureza e sempre ficou fascinado folheando alguma revista de natureza ou ciência. Você gostava de Eureka e outros programas malucos nessa área? Então, estudar Ciências Biológicas pode estar em suas hemácias. Ainda mais se você é questionador e tem curiosidade sobre a vida, vai fundo porque o sucesso te espera. Esta graduação tem uma extensa área de atuação e nós separamos algumas delas para você.

Ainda não tenho certeza se é isso mesmo que eu quero.

Bom, antes de iniciar qualquer projeto na vida é preciso ter certeza. Não que você não possa voltar atrás, você pode e deve, se assim você achar melhor. Mas quando falamos de carreira profissional, a melhor escolha sempre é aquela que nos faz feliz e nos da prazer. Mesmo com uma grande área de atuação, você pode não se encontrar como profissional. Então tenha em mente que estudar Ciências Biológicas é para aqueles que possuem paixão pela vida. E possuem muita vontade em descobrir coisas novas.

O biólogo é aquele profissional que não se contenta com respostas óbvias ou únicas. São curiosos e amam pesquisar e estudar sobre os mais diversos assuntos que envolvam o meio ambiente e as várias formas de vida. Este profissional procura entender como a natureza funciona. Como as espécies se relacionam e quais são as suas funções com o meio em quem vivem. E claro, os biólogos são apaixonados e lutam pela preservação ambiental.

Está gostando do post?

Assine a nossa newsletter e receba as novidade do Blog do Unasp direto no seu email!

Beleza, é isso mesmo que eu quero fazer! Mas, o que eu vou aprender na faculdade?

Como biólogo você tem duas opções que norteiam as áreas de atuação. Você pode escolher entre a formação em bacharel ou licenciatura. Se você optar por bacharel, suas matérias vão envolver uma forte base em matemática, física e estatística. Nada fora do comum, fica tranquilo! As aulas são teóricas e práticas e o estágio é obrigatório.

Agora, se a sua praia é mais o ramo da educação, então licenciatura é uma boa opção. Nesta modalidade você vai estudar de maneira geral a botânica, genética, ecologia e matérias pedagógicas como psicologia, didática e metodologia, para a educação nos ensinos Fundamental e Médio. O estágio também é obrigatório e se você desejar dar aulas no Ensino Superior, precisa fazer uma pós-graduação.

Ah! É importante lembrar que o curso tem duração de quatro anos, tanto o bacharel quanto a licenciatura. Por serem áreas correlatas, a formação da segunda modalidade, caso queira aperfeiçoar seu currículo, acontece em dois anos. Ou seja, você se forma em bacharel, com mais dois anos consegue a licenciatura ou vice e versa.

Uhul, me formei! E agora?

Muito bem, depois que você conquistar o tão sonhado canudo, tá na hora de trabalhar. E são muitas as áreas de atuação do profissional de Ciências Biológicas. Depois de formado, você vai pode trabalhar com:

  • Bioinformática: Nessa área você desenvolve programas de computação para serem usados em pesquisas genéticas;
  • Biologia de organismos aquáticos: Escolhendo essa área de atuação você vai pesquisar o cultivo, reprodução e beneficiamento de animais e organismos no mar ou em água doce;
  • Biologia forense: Curte CSI? Nesse caminho você usar seus conhecimentos em biologia para auxiliar na investigações de crimes;
  • Biologia molecular: Aqui você poderá trabalhar com análises e diagnósticos de doenças genéticas ou infecciosas em clínicas e laboratórios;
  • Controle de pragas e vetores: Como biólogo você pode trabalhar desenvolvendo técnicas para controlar a transmissão de doenças entre animais e diminuir o impacto de pragas em lavouras;
  • Ensino: Com formação em licenciatura, você pode dar aulas para os ensinos Fundamental e Médio e com uma pós-graduação, você pode dar aulas no Ensino Superior;
  • Genética e biotecnologia: Nessa área de atuação você pode trabalhar com a criação, manipulação, reprodução e estudo de organismos em laboratório, buscando compreender seus processos fisiológicos e genéticos;
  • Gerenciamento costeiro: Optando por essa opção, você vai administrar o uso do mar e do solo em regiões costeiras, tentando minimizar o impacto na biodiversidade e preservar a qualidade de vida na região;
  • Meio ambiente: Você vai trabalhar em órgãos públicos, ONGs, parques e reservas ecológicas, promovendo programas de preservação ambiental;
  • Microbiologia: Você pode trabalhar ainda investigando bactérias, fungos e vírus para a produção de alimentos e remédios;
  • Zoologia: Este profissional pesquisa as características dos animais, seus organismos e relações com o ambiente.

Viu só? Pode cursar Ciências Biológicas tranquilamente. Há muitos campos para escolher. O mercado está aquecido, uma vez que há uma grande preocupação com o meio ambiente e sustentabilidade. Além disso, você pode achar emprego em prefeituras e órgãos federais por meio de concurso público e em empresas e indústrias ligadas em questões ambientais. Dá uma olhadinha na nossa página e fique por dentro de outras informações sobre este e outros cursos!

Não vá embora sem assinar a newsletter!

Assine a nossa newsletter e receba conteúdos direto no seu email.

Veja também

Gostando dos conteúdos?

Receba as atualizações no seu e-mail!
Insira seu endereço ao lado e não perca as novidades.