Blog do Unasp

Usar o celular na sala de aula, pode ou não pode?

Existe mais de 270 milhões de aparelhos celulares no Brasil e desses, 208 milhões são Smartphones. Isso significa, um celular para cada brasileiro. Sair de casa sem ele? Nem pensar. É mais fácil esquecer a mochila ou o material escolar do que o celular se você for pra aula. Não dá pra negar. O celular faz parte da sala de aula; seja na mão de alunos ou na mão professores. E aí? Usamos ou não o celular em sala de aula? Ele ajuda ou atrapalha na hora de aprender?

Já tentaram proibir o uso do celular em sala de aula. Leis municipais e estaduais. Mas não deu muito certo. Os governos voltaram atrás na proibição. Foi quase que impossível proibir com que os alunos levassem o celular para dentro de sala. Punições como suspensão e até “convite para deixar a instituição de ensino” não funcionaram.

Embora tudo isso ainda cause certa discussão em todos os níveis de educação, precisamos relembrar algumas advertências necessárias sobre uso do celular em sala de aula:

Conscientização.

Em primeiro lugar o professor deve estar de acordo com o uso do celular em sala. Ele deve preparar a aula para que o aparelho possa ser útil. Sala de aula é um ambiente de aprendizado e se o celular causar distração, então definitivamente ele é um problema e deve ser evitado. O aluno deve ter consciência do ambiente que está, portanto, o uso do aparelho em sala de aula passa, antes de tudo, por um processo de conscientização do uso entre alunos e professores. Afinal, não é só aluno que faz uso do Smartphone, não é mesmo?

Dependência do celular.

Muitas pessoas são viciadas em redes sociais, jogos e em dar aquela conferidinha nas ‘noticias’ o tempo todo. Esse problema não surgiu dentro de sala de aula, mas também está presente ali. Então, como qualquer e toda dependência ela deve ser tratada. O professor pode ser um aliado nesse processo que certamente deve envolver a família e boa vontade do aluno.

E agora, sim… veja dicas de como usar o celular a seu favor, ou melhor, a favor da sala de aula! Uhull…

Está gostando desse post?

Assine a nossa newsletter e receba novidades, dicas e muito mais!

Grupo da sala.

Já que todo mundo está com celular na mão o tempo todo, nada melhor para lembrar-se de tarefas, provas e troca de arquivos, do que um aplicativo de mensagens como Whatsapp. Ele facilita muito o contato do professor com a turma e dos alunos entre si. Só não vale ficar mandando spam, mensagens e assuntos indevidos para o momento. Isso aborrece todo mundo e tira o foco real do grupo.

Galeria de imagens.

Este ponto é bem polêmico. Muitos professores defendem que os alunos copiem a matéria do quadro como forma de aprendizado, e isso realmente é muito importante, pois faz com que os alunos leiam o conteúdo e reforcem na escrita. Por isso, não é indicado que os alunos tirem foto do quadro ao invés de copiar. Além disso, qualquer problema com o aparelho de celular faria com que se perdessem as fotos. Então, dentro da sala de aula, após combinado com o professor é legal tirar foto de trabalhos manuais, como maquetes, vídeos de experiência, comemorações, programações no ambiente escolar e às vezes até um “Para Casa”.

Recursos digitais.

Nem todo mundo sabe tudo sobre determinado assunto. E pode ser que em algum momento na sala de aula, surjam dúvidas que no momento não se sabe a resposta. Por isso, há uma possibilidade de tirar dúvida sobre algum assunto instantaneamente, através da consulta na internet pelo celular. Tanto professores como alunos podem realizar pesquisas no banco de dados seguros da internet ou no acervo digital da escola, como biblioteca online por exemplo. Essa ferramenta pode contribuir muito no desenrolar da aula e no complemento dos conteúdos abordados.

Evita o desperdício e economiza o uso de papel.

Usando o aparelho de celular você pode acessar mapas, notícias, tirar fotos, fazer apresentações, compartilhar vídeos, entregar resenhas e trabalhos sem usar papel. Faz bem ao meio-ambiente e ao bolso.

Os professores também podem mandar textos a serem lidos de forma instantânea, sem precisar de xerox e ou apostilas.

 

Bom, assim como qualquer outra coisa, o celular pode ser usado para o bem, basta apenas querer. Ele pode e é um grande aliado para alunos e professores, porque o uso do aparelho facilita, aproxima, alerta, compartilha e possibilita uma aprendizagem significativa. Se você é professor, está na hora de repensar alguns hábitos e avaliar a possibilidade de fazer o uso do celular nas aulas. E se você é aluno, aplique o uso do celular com sabedoria e aprovação do professor, e na sala de aula sempre com o foco no estudo.

Até a próxima!

 

Leia também:

Veja também

Gostando dos conteúdos?

Receba as atualizações no seu e-mail!
Insira seu endereço ao lado e não perca as novidades.