Blog do UNASP

4 apps para ajudar com a saúde mental

Falar sobre saúde mental é não somente importante como indispensável. E embora saibamos que o Setembro Amarelo é o mês destinado a deixar esse assunto em evidência, precisamos lembrar que manter a saúde emocional “okay” é um exercício diário e constante. 

Por isso, separamos alguns apps que podem ajudar você, jovem ou adolescente, a controlar melhor suas emoções, evitar e amenizar crises de ansiedade, registrar suas alterações de humor, praticar a meditação, entre outros benefícios. 

Confira agora:

Diário- Controle de Humor (Daylio)

Disponível gratuitamente para Android e (IOS), o Daylio é um aplicativo muito versátil. Ele funciona como um diário de humor e te permite visualizar, de maneira clara e objetiva, as oscilações emocionais. Além disso, monitora seus hábitos e como as atividades do seu dia a dia influenciam no seu bem-estar. 

Calm

O  Calm é um app de meditação e para dormir. Está disponível para Android e IOS e, apesar de gratuito, disponibiliza ferramentas exclusivas na versão paga. 

Ele oferece músicas tranquilizantes, exercícios de respiração e meditações guiadas que combatem a ansiedade, auxiliam na concentração e melhoram a qualidade do sono. 

Be Okay 

Através de técnicas calmantes, o Be Okay pode ajudar você durante crises de ansiedade e ataques de pânico. 

Além do suporte imediato para os momentos de crise, é possível também fazer um histórico dos episódios contendo informações importantes como: duração, local, sintomas e horário. Assim, fica mais fácil identificar os possíveis gatilhos que precedem as crises. 

O aplicativo é gratuito e está disponível para Android e IOS.

Happify: Contra estresse e preocupação 

O Happify promete reduzir o estresse, auxiliar na diminuição do pensamento negativo e a desenvolver a resiliência. Ele reúne diversas atividades e jogos, cuja eficácia é comprovada cientificamente, para quem se sente estressado, ansioso, deprimido ou esteja lidando com pensamentos negativos frequentes.

O app é grátis para baixar e usar, mas também conta com a versão plus. 

E aí? Gostou das indicações? Esperamos que faça bom uso! 

Só não se esqueça que, em todo e qualquer caso, o acompanhamento profissional é inegociável e que ferramentas como essas servem apenas para potencializar o resultados da psicoterapia. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Gostando dos conteúdos?

Receba as atualizações no seu e-mail! Insira seu endereço ao lado e não perca as novidades.

[vc_newsletter_with_email newsletter_id="blog" newsletter_msg_success="Obrigado por se inscrever! Em breve você receberá nossas atualizações no seu e-mail!"]